A Escritora Andrea Vivana Taubman em uma parceria inédita com o ilustrador Camilo Martins, trazem para a Quase Oito o livro “Um poema para João”.

O poema surgiu depois da escritora Andrea Viviana Taubman, curiosa e apaixonada, conhecer o menino João com paralisia cerebral e sua família. A autora se questionava “Para onde olha João?”, o que ele pensa, quais seus desejos e o que ele de fato tem “mingau batido com devoção”, essa era só uma das possibilidades de João. Quem não conhece as potências das crianças coma paralisa cerebral não entende. É preciso ter empatia, de um lado, e de outro lado, uma cadeira… Explico: as cadeiras para crianças com paralisia cerebral são os tênis que as permitem desbravar o mundo (dentro das suas limitações) e permitem que os integrantes de suas famílias sigam suas vidas e mantenham-se firmes e esperançosos no futuro.

Ver a vida na horizontal é uma situação limitante, e destinada apenas para casos extremos, uma cadeira é o veículo para impulsionar o conhecimento e alguma autonomia dessas crianças e jovens com paralisia cerebral. Mas essas cadeiras funcionam como nossos tênis, a gente cresce e nosso tênis precisa aumentar de tamanho. E se um tênis é caro, imagina uma cadeira especial? E ë a deficiência física mais comum na infância, no mundo!

“No Brasil há uma carência de estudos que tenham investigado especificamente a prevalência e incidência da paralisia cerebral (PC) no cenário nacional(…) estima-se que a incidência de PC nos países em desenvolvimento seja de 7 por 1.000 nascidos vivos(…) A explicação para a diferença na magnitude da prevalência entre estes dois grupos de países é atribuída às mas condi’coes de cuidados pré-natais e ao atendimento primário à gestantes”. Essas são informações oficiais retiradas do site: https://paralisiacerebral.org.br.

O que uma editora pode fazer em relação a isso?

O livro é um instrumento de representatividade, e a Quase Oito nasceu com a preocupação de chegar a quem precisava de livros e precisava se ver representado. O encontro da Q8 com “Um poema para João” é um casamento que permite gerar representatividade e ainda quer ajudar a uma das muitas famílias assistidas pela ONG One by One garantindo a compra de uma cadeira nova com parte da renda arrecadada com o livro.

E, então, você aceita um poema por uma cadeira?! Quem comprar o livro “UM POEMA PARA JOÃO” não apenas ganha um poema lindamente ilustrado pelo Camilo Martins e editado por nós, mas também colabora na compra de uma CADEIRA NOVA para uma criança ou jovem com paralisia cerebral.

Nós da Quase Oito temos muito orgulho de mediar esse encontro de muitas partes. E de dar a você a oportunidade de fazer parte dessa cadeia do bem!

Conheça mais sobre o Projeto na Live do Youtube:

Posts Recomendados

Ninguém comentou ainda. Seja o primeiro.


Adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *